Prefeitura abre agendamento para cadastro do passe estudantil 2022

Home/ Notícias

16/12/2021 às 13:17  | última atualização em 16/12/2021 às 17:30

 

Começará, na próxima segunda-feira (20), o agendamento dos estudantes que querem se cadastrar para receber o Passe Estudantil, no primeiro semestre de 2022. Esse processo está sendo adotado em decorrência da pandemia da Covid-19, para evitar aglomerações. 

O agendamento pode ser feito pelo telefone (31) 3542-5906, até 17 de março. Para fazer o cadastramento, que será realizado entre os dias 3 de janeiro e 18 de março, a população contará com dois postos de atendimento: um na sede e outro na região noroeste.

Podem requerer o benefício, estudantes que moram a mais de 2 km do estabelecimento de ensino, com renda per capita menor ou igual a 1,5 salário mínimo, residentes em Nova Lima (pelo menos 1 ano para moradores da região noroeste e 2 anos das demais regiões). É necessário estar regularmente matriculado e frequente em cursos de nível superior, profissionalizante de nível técnico, pré-vestibular municipal gratuito e estágio curricular obrigatório, cuja duração mínima seja de três meses e frequência mínima de duas vezes por semana

É importante ressaltar que, neste momento, será realizado o cadastro somente dos estudantes que estão cursando aulas presenciais, mediante comprovação por meio de declaração da instituição de ensino. Aqueles que estiverem cursando aulas on-line serão cadastrados apenas quando retornarem às aulas presenciais. 

O passe é disponibilizado por meio de cartões magnéticos da empresa Via Ouro e do Consórcio Ótimo.

Documentos

Confira a documentação necessária para cadastramento (originais):

- Declaração de matrícula e boleto quitado do mês vigente, ambos emitidos pela instituição em papel timbrado com assinatura;- Cédula de identidade e CPF de todos os residentes na casa;
- Carteira de trabalho de todos os residentes na casa, maiores de 18 anos; Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS), caso tenha CTPS Digital ou se não possuir CTPS;

- CNIS  que pode ser acessado por meio do site: meu.inss.gov.br do INSS (Folha resumo);
- Comprovante de renda dos maiores de 18 anos residentes na casa:
a) 3 últimos contracheques recebidos, no caso de renda fixa;
b) 6 últimos contracheques recebidos, quando houver pagamento de comissão ou hora extra;
c) Certidão emitida pelo INSS dos aposentados e pensionistas;
- Trabalhadores autônomos ou profissionais liberais: declaração tributária referente à renda dos últimos 3 (três) meses;
- Dirigentes ou sócios de empresas: 3 últimos contracheques relativos à remuneração mensal (pró-labore) ou Declaração de Imposto de Renda de Pessoa Jurídica completa acompanhada do recibo de entrega à Receita Federal (referente ao ano vigente) caso a empresa esteja no nome do candidato;
- Rendimentos de aluguel ou arrendamentos de bens móveis e imóveis: contrato de locação, acompanhado dos 3 (três) últimos comprovantes de recebimento;
- Comprovante de endereço recente (contas de água, luz ou telefone), em caso de imóvel alugado, apresentação do contrato de aluguel;
- O estudante que exerce atividade remunerada deve apresentar declaração, fornecida pelo empregador, informando carga horária e recebimento ou não de vale-transporte;
- Em casos de bolsista de instituição de ensino privada, apresentar comprovante com o respectivo valor da bolsa;
- Contrato do Fies, quando for o caso;
- Comprovante de matrícula de outros membros da casa que estão cursando o nível superior, técnico, qualificação ou requalificação, com o valor da parcela.
- Comprovante de recebimento de Programas de Transferência de Renda municipal e/ou federal;
- Cartão magnético do programa.

A apresentação dos documentos exigidos acima abrangerá os que compõem o núcleo familiar do estudante, configurando-se como núcleo familiar os que residem no mesmo endereço apresentado. No ato do cadastro, poderão ser solicitados outros documentos que se fizerem necessários.

Compartilhe

Notícias Relacionadas

Imagem de capa
Campanha de Natal da Prefeitura entrega 9 mil cestas básicas e de legumes para população vulnerável

4.500 famílias estavam aptas a receber o benefício

Imagem de capa
Campanha Natal Social entrega 9 mil cestas básicas e de legumes para população vulnerável

Entrega começa na próxima segunda-feira (20)