Volta às aulas em Nova Lima tem investimento em itens escolares novos e tecnologia

Home/ Notícias

24/01/2023 às 15:07  | última atualização em 25/01/2023 às 09:15



Está quase na hora de os estudantes retornarem para mais um ano letivo na rede municipal de ensino. No dia 8 de fevereiro, voltam as aulas em todas as escolas do jeito que os alunos nova-limenses merecem: com uniforme, materiais escolares e livros literários novinhos, além de soluções em tecnologia.

São aproximadamente 9 mil matriculados para estudar nas unidades de ensino do município. Para contemplar todos eles, a Prefeitura investiu mais de R$8 milhões de reais na aquisição dos kits de materiais individuais e uniformes. A previsão é que a distribuição aconteça até o final de março, conforme cronograma de cada escola.

Os conjuntos de uniformes incluem quatro camisetas de manga curta, uma regata, duas calças compridas, uma camisa de manga longa, uma jaqueta de inverno, duas bermudas ou shorts-saia e um par de tênis, por aluno. Já os kits de materiais escolares contam com mochila, caderno, estojo, lápis de cor, lápis de escrever, borracha, tesoura sem ponta, cola branca, apontador, régua, caneta esferográfica e garrafa d’água. Vale ressaltar que tanto os itens do uniforme quanto do material escolar podem variar, de acordo com o ano de ensino do estudante.

Os responsáveis devem ficar atentos aos comunicados oficiais enviados pela direção das unidades de ensino, a partir de fevereiro. Até a entrega dos kits, é recomendável levar apenas o essencial para o ambiente escolar.


KITS PARA OS PROFESSORES
Além dos alunos, os professores também receberão os materiais individuais necessários para o ano letivo 2023. Os kits incluem pasta em lona, caderno, agenda, estojo, apagador, pincéis recarregáveis, lápis, borracha, caneta e apontador, para uso em classe.


NOVOS LIVROS LITERÁRIOS
A Prefeitura investiu cerca de R$400 mil em novos livros, para que os estudantes da rede municipal possam aprimorar a leitura e a interpretação de texto. Os novos materiais literários contemplam a abordagem inclusiva e destacam a influência afro-brasileira e indígena na sociedade. A aquisição faz parte do projeto Ler é legal, que abrange várias ações para estimular o gosto pelos livros, inclusive com apoio de pais e responsáveis. A iniciativa é um dos métodos implantados para suprir a defasagem de leitura que os alunos apresentaram, em decorrência da pandemia de Covid-19, conforme apontou o diagnóstico do Plano de Recuperação e Aceleração da Aprendizagem Saber+.


RECONHECIMENTO FACIAL
Uma novidade para o ano letivo de 2023 é que todas as escolas municipais contarão com um sistema de reconhecimento facial na portaria. Com o recurso, os pais e responsáveis poderão acompanhar, em tempo real, a entrada e saída dos alunos nas unidades de ensino, por meio de um aplicativo de celular. Além disso, a tecnologia proporcionará mais segurança nas escolas, com maior controle de quem as acessa. A previsão é de que o sistema comece a ser implantado gradativamente, após o retorno das aulas, na segunda quinzena de fevereiro.

Compartilhe

Notícias Relacionadas

Imagem de capa
Resultado Cadastro do Passe Estudantil - Fevereiro 2023

Confira a relação

Imagem de capa
Prefeitura contrata professores e supervisores para a rede municipal

Acompanhe aqui o processo seletivo